VERDURA COZIDA: REPOLHO


Nosso organismo é sábio e a gente nem percebe. Anos pesquisando sobre os alimentos que me fazem bem / nem tão bem, sempre me surpreendo quando vejo uma receita e sinto vontade de algo que não tenho o hábito regular. Repolho por exemplo, eu gosto ocasionalmente. Antigamente eu até arriscava uma receita: rasgar as folhas em pedaços pequenos e dourar no azeite com passas brancas até ficar queimadinho e crocante. Era gostoso, assim como a salada de repolho do Sujinho em São Paulo, delicia das madrugadas dos anos 80. E a salada cole slow do América
Ok, não desgosto do repolho, mas algo me avisa para ir com cuidado, e isso tem nome; é sabedoria do organismo. Meu biotipo na ayurveda diz que devo moderar, e no meu tipo sanguineo tambem. Muito antes de saber disso eu já tinha essa referência intuitiva. E ao longo dos anos comprovei que observar e respeitar é tudo.
Recentemente pedi algumas dicas sobre como preparar a escarola sem perder os nutrientes e recebi outras receitas boas, uma delas com repolho que acendeu aquele momento ocasional: quero provar!
Não tenho fotos dessa iguaria, uma pena. Mas dá para imaginar... muito bom e bonito, claro.
Ela veio da minha prima Carmen, que sempre tem receitas sofisticadas e simples de fazer, como a salada de figos com laranja.


Aqui tem algumas informações de respeito, e vale a máxima, se deu vontade, aproveita, porque privação tá completamente fora de questão por aqui! abre aspas.
Além de ser ótima fonte de vitaminas A e C, o repolho é um alimento rico em nutrientes que faz bem para o coração, para os olhos, para a pele e ainda nos protege contra algumas infecções.
O repolho é uma boa fonte de vitamina C e possui propriedades antioxidantes, principalmente o orgânico. Além disso, é pobre em calorias e rico em fibras, potássio, folato e betacaroteno, um precursor da vitamina A", descreve a nutricionista Juliana Barancelli Pansardi. O repolho roxo possui antocianinas, as mesmas presentes na uva que protege o coração. Auxilia o sistema imune e favorece uma pele saudável devido à presença de selênio. O repolho branco ou verde é mais rico em vitamina A, importante para a proteção da visão, é ótimo para a pele e o potássio, importante para o fortalecimento muscular", acrescenta Juliana. fecha aspas.
a fonte dessa informação veio daqui, gracias.


Repolho tem mil e uma utilidades, dele nasceu o chucrute, ou Sauerkraut, um poderoso lacto fermentado que faz super bem a saúde, indico uma receita dignissima da Pat Feldman. E aquele charutinho tão especial que vem do oriente, feito com folha de uva ou de...repolho. A Dona Sara, mãe das queridas amigas Míriam e Fefa fazia com repolho se não me engano. E segundo meu primo Nando, ela tinha tanta prática que enrolava os charutinhos somente com uma mão, num gesto ancestral de quem sabia das coisas. Eu penso num charutinho com um arroz integral bem feitinho, castanhas e nozes. Mas agora compartilho a receita que originou esse post, muito fácil, simples e saborosa.

Receita de repolho da Carmen

Um repolho médio inteiro cortado em cruz até quase a base
Cozinhe de cabeça para baixo até que fique macio.
Retire.
Escorra.
Coloque numa travessa e abra um pouco as folhas para receber o seguinte molho:
numa panelinha coloque azeite, alho, frite até dourar,
desligue,
acrescente azeitonas picadinhas e meia xícara de um bom vinagre.
Sal e pimenta.
Sirva quente.
Ótimo no inverno!

créditos
aqui, sobre o repolho 
Pat Feldman, receita do SauerKraut
Almanara ( foto do charutinho )
Clinica Anna Aslan, foto do repolho
Sauerkraut, aqui
prima Carmen, pela receita que dá água na boca, e viva o repolho!

notinha esperta:
E viva o repolho!!
Voltei para contar que fiz a receita, com repolho roxo, usei a pasta de azeitona verde da Terrazen no lugar as azeitonas picadinhas. Na minha já conhecida falta de jeito em relação as modelagens, a flor do repolho se abriu, mas isso nao tirou o brilho dessa alegoria, vencedora em luxo de cor e de sabor, olha só:

Namastê!



Comentários