O MELHOR DO FIM DO ANO


No item "melhores do ano" neste início de verão tórrido que se anuncia, as uvas congeladas ganham o primeiro prêmio. Desde que conheci e aqui postei, nunca mais faltou em casa. Que delicia! E as visitas adoram, pedem bis, bis, bis... uma coisa tão prosaica que só depende de achar uma uva docinha, sem sementes, lavar bem e freezer....não tem quem não goste!
E viva o verão! pode ser escaldante, quente, fervente, tórrido... tirando a dengue, essa estação é o amor da minha vida.
Não moro em praia, não tenho ar condicionado em casa, não tenho piscina, nem sou sócia de clube, mas só o fato de ver a luz maravilhosa dessa época e esse solzão brilhando me enche os olhos!
A foto acima eu tirei passando por uma praça, no finalzinho do primeiro dia do verão, lindos flamboyants, num céu azul e rosa de antes ou depois da chuva? não lembro, mas as cores são de verdade!
Melhor que um só dois, ou mais... amigos que se deslocaram de seus lares para me visitar, passar um dia comigo, conhecer meu novo -agora nem tão novo- lar, supera todo e qualquer prêmio que alguém poderia ter. `A eles minha mais profunda gratidão. Carmo, Jorge, Evadren, Rosângela, Mara, Meire, Nelson, Gera, Claudia, Clarisse, Serginho, Renato, outro Renato, Mari, Marina, Carmen, minhas tias... a chegada do Yogue que em menos de seis meses deixou minha estética mais leve e luminosa.  Muito do que eu achava importante manter deixaou de ter importância diante da pureza de um filhote levado. Minha amiga Clarisse me apresentou gente boa como o Marcelo, a Adriana e a Andrea que me mostraram que existe gente que a gente nunca viu, mas que de repente se tornam pessoas de enorme importancia na sua vida, pautada pela generosidade, a Fúlvia também se inclui nessa ciranda do bem.
Aquilo que as minhas mãos não foram capazes de fazer como pães e bolos, foram bem recompensadas por receitas de amigos que deixaram esta página mais festiva e diversificada: Carmo, Maíce, Sergina, Clau, Carmen, Carol, receitas de dar água na boca!
O outro prêmio vai para um molho para massas ou salada a base de coalhada sem lactose. Tão fácil que dá até pena de não fazer mais vezes. Essa receita não tem nada de invencionice, muita gente já deve ter feito algo até melhor mas eu garanto, quem gosta de sabor e suavidade não vai se arrepender com esta. 

Vamos ao molho?

01 pote de Coalhada LacFree ( para quem não pode ou não quer a lactose )
01 colher de café bem generosa de cúrcuma
uma "mãozada" de orégano
sal rosa moído na hora, se tiver
duas colheres de sopa de queijo pecorino cortado em quadradinhos
azeite exrta virgem, em quantidade no olhômetro, mas que fique bem untuoso
Vai com tudo, hoje fiz massa de grão de bico com espinafre e acelga com cenoura refogadas, que fez a alegria do meu almoço quase light.
O tempero é o molho, o resto não precisa de nada!


Das outras boas coisas do ano, essa veio bem no finalzinho, meu amigo Renato o outro,  me contou de uma panela da Tramontina que vai ao fogão mas que tem múltiplas funções, inclusive de forno!! Não é linda???
Aleluia, como preciso disso: é uma caçarola quadrada de 28 cm que faz as vezes de panela e de forno, com tudo que se tem direito, bolos, pães, pizza, assados, grelhados, etc.
Estou começando minhas pesquisas agora e espero ter novidades (ou a própria) muito breve!
Também estou em novas pesquisas para louça de jantar; pratos rasos e fundos, preciso muito, desta vez dou preferência `a louça branca, pois os coloridos apesar de lindos, já me acompanham há um certo tempo e é hora de aposentar. Quase todos já quebraram, hoje só tenho dois de cada, isso requer um malabarismo gigante na hora de servir que nem conto. Eles foram heróis, enfeitaram praticamente todos os meus achados culinários e merecem um bom descanso de mim.

Paz e amor, porque esse ano tambem teve "os piores" e como!
Para começar um buuu deste tamanho para os desacertos entre mídias, o blogger e o facebook que não se entendem em relação aos compartilhamentos, cada hora um problema novo, o mais recente é que os nossos likes não estão sendo computados corretamente, e ao compartilhar o post as imagens nem sempre são as que estão nele, as vezes vem alguma nem sei de onde... Esse povo não toma jeito, a gente paga o mico e eles posam de bacana. Nunca dei mais importância `a isso do que o assunto merece, mas penso: já que existe esse canal porque não fazer direito?
Nas receitas vence o mico da lentilha rosa entre outros que nem postei...
Na cozinha meu forno elétrico foi a grande decepção do ano, sem dúvida.
Que pena, ela, a cozinha, ficou tão bacaninha e não desfrutei de suas potencialidades como gostaria.
Os assados formam uma das bases mais importantes da minha alimentação.
Abóboras, alhos, quiches, bolinhos, quibes, vegetais, batata doce, hmmmm, em quase tudo eu uso forno, e boa parte do ano tive que me virar como pude, ou seja- sem.
Ter volta o prazer de sentir pela casa os aromas deliciosos das comidas de forno; aqueles que a gente sabe que estão no ponto pelo cheiro... sim eu quero, seja na panela nova ou num forno novo!!

E eu quero mesmo é paz e amor!
Que façamos deste novo tempo uma caminhada com flores.
O melhor dos melhores fica para o finalzinho para fechar este período com chave de ouro: gratidão aos leitores desta página a quem credito, sem medo de errar, o verdadeiro motivo de caminhar neste universo virtual.
No próximo ano se Deus quiser fazemos dez anos de estrada, que tudo!!
Namastê!

todas as fotos são de acervo, menos a da caçarola, que veio da Tramontina Design Collection, e essa IMAGINE que tirei do site do Central Park, onde tem o memorial para o John Lennon.

 

Comentários