TAPETES VOADORES

Tapete Nanimarquina é um luxo.
Já tive um tapete como esse da foto "na palma da minha mão", alguns anos atrás, quando uma loja de tapetes que estava importando produtos da marca fez um bota fora anual.
O preço estava inacreditavelmente possivel para nós humanos, e era só pegar, pagar e levar.
Luxo da profissão: eu ainda tive dois dias para pensar.
Pensei errado.
Se eu pudesse voltar atrás...

Tempo depois...e minha casa ainda precisa de uma peça de destaque.
Uma peça pequena, preferencialmente quadrada, só para tornar a aventura mais complexa. 
Um tapete quadrado não é algo fácil de se encontrar, mas ele tem seu mérito.
Já conversei com alguns fabricantes que tem desenhos interessantes, e a maioria desaconselha
um tapete pequeno com esse formato por alegarem que perde o desenho original.

Um tapete colorido pode ser tribal, étnico, geométrico, grafado, printado.
Outro dia dei de cara com um tapete maravilhoso, serigrafado com estampa de girafa, simplesmente incrivel, mas era fininho, daqueles de se colocar sobre outro tapete.
Isso ainda não entrou nos meus planos, por enquanto.. sem contar que ele era enorme, irregular, eu teria que mandar cortar, e perder a intenção dele, como se diz.
Tapetes podem custar caro, especiais então, sobem `as alturas.
Mas dependendo do tamanho o custo é um beneficio. Um tapete pequeno com um desenho especial enche a casa de vibração e os olhos de quem vê, e `as vezes basta ele num espaço vazio.
E o canto que "sobra" se incorpora ao todo e deixa de ser um cantinho.


Um tapete integra o espaço e uma idéia.
Um recurso de primeira para quem planeja seu espaço.
Recentemente, no escritorio de um cliente colocamos um tapete grande de sisal.
Sobrou dois pedacinhos de piso; um de cada lado do tapete, que "dividiram" o escritorio em 3 ambientes, e não era isso que a gente queria.
Procuramos então duas passadeiras para colocarmos dos dois lados do tapete de sisal, e um outro produto para a entrada do escritorio, que poderia "dizer" um pouco sobre o que se encontraria ali.
Muita sorte: um unico dia encontramos tudo, um tapete lindo que tem a bandeira da Inglaterra aplicada como estampa; altamente rock'nroll como o meu cliente, que além de empresário toca numa banda de rock. 
Para compor com o tapete de sisal, achamos duas passadeiras idênticas kilim com desenho geométrico, com as cores da bandeira, uma vermelha a outra azul, num tom mais claro.
Os kilim geométricos deram um toque de azulejaria no espaço, inspirados em Athos Bulcão.
Que incrivel, os tapetes são indianos, bem longe de Brasília, onde podemos ver exemplares maravilhosos do seu trabalho, o mundo é uma miniatura.



A bandeira ao estilo britpop fez uma liga com uma das paredes, onde ele selecionou capas de disco que o inspiraram, fizemos 25 posters em preto e branco, exceto um deles, do sex pistols e os dispusemos num formato de quadrado, ficou muto bacana.
Cliente bom embarca com a gente na viagem.
Descobri recentemente uma empresa que printa em lonas as imagens que a gente quer, e isso vira um tapete.
Eles já fizeram uma bandeira printada em lona, ficou muito bacana.
Um tapete de lona printado é outro luxo, muito possível, diga se de passagem.
Dá para ter um produto exclusivo por um preço muito confortável.
Pensei em printar sobre a lona crua a palavra LOVE em vermelho, bem escuro
Um tapete proporciona muitas horas de vôo, não importa o tamanho, nem a procedência, muito menos o custo.
Namastê!.

Comentários

Marilia disse…
Gosto muito de tapetes e acho que eles têm uma grande importância dentro de casa. Infelizmente ainda não encontramos o nosso para sala. Acho que é uma busca e quando se encontra vale muito a pena.Tinha em Porto Alegre um redondo azul que adorava!Perfeito pra sentar, meditar e não fazer nada!
Beijo,
Marília
sylribeiro disse…
Um tapete para voar sem sair do chão, rs
Beijos